“Mãe solteira”: o tabu de namorar depois dos filhos

Homens solteros 398132

Aquela certeza que sussurra baixinho dentro de si. Por que ainda é um tabu namorar depois dos filhos? Nem sempre no corpo, mas fica a marca. Sabe cozinhar, limpar, adivinhar se vai chover.

Isso porque outros tipos de família, quanto as de casais sem filhos e as unipessoais, cresceram mais proporcionalmente. Isso porque, segundo a pesquisadora, ela fica impossibilitada de conseguir um trabalho decente ou mesmo de estudar. Ela vai depender de outros membros da parentela para cuidar dos filhos ou tentar um trabalho que se adeque a sua rotina. No caso da estudante de Direito J. Mesmo com o filho recém-nascido, J.

Homens solteros con 617513

Nome, Alamy. A ideia de namorar na Suécia pode evocar fantasias românticas, quanto jantares à luz de velas em apartamentos nórdicos minimalistas ou caminhadas na neve na companhia de parceiros que gostam da natureza e têm corpos esculturais. A realidade para profissionais expatriados que moram no país e esperam encontrar ali sua cara-metade, no entrementes, é outra. Fim do Talvez também te interesse. Crédito, Getty Images. Mesmo mesmo na capital Estocolmo, que vive uma grande crise habitacional, ainda é mais barato morar sozinho do que em outras grandes cidades que atraem talentos internacionais, como Londres ou San Francisco. Para estrangeiros como a brasileira Raquel Altoe, de 34 anos, a singularidade de trabalhar em uma das sociedades com mais solteiros do planeta tem uma desvantagem distinta. Crédito, Raquel Altoe. No entanto, um relatório divulgado pela agência de pesquisas Estatísticas Suécia em revelou que apenas uma entre quatro pessoas que chegaram ao país solteiras encontrou um parceiro depois de cinco anos.

Padecer no paraíso em dobro? Mas exatamente hoje penso como deve ser restante leve essa jornada para quem tem alguém ao lado no dia a dia. Na antiga escolinha da minha filha, para mim, no começo, idade difícil falar, por exemplo, para os pais dos amiguinhos dela que eu era sozinha. E nem era por culpa deles. Ninguém nunca me julgou. Esse eco da família ideal inconscientemente me acompanhou na vida adulta. Chega até a ser tragicômico. Eles passam pelos mesmos percalços?

1306130713081309131013111312

Leave a Reply

Your email address will not be published.